Don't Worry Be Happy!!!

“O que me mata é o cotidiano. Eu queria só exceções.” (Lispector)”

"O que me mata é o cotidiano. Eu queria só exceções." (Lispector)"

2 Respostas

  1. Celina

    Embora o cotidiano vá se tornando monótono, é uma parcelada vida que nos foi dada. As exceções, fugindo às regras, vãoacrescentando uma tonalidade ao mesmismo. Toda uma vida só de exceções acabaria por fazer delas o cotidiano.Então…

    julho 27, 2010 às 2:21 am

  2. Alcione

    fazer o que so curtir o que a vida nos proporciona

    julho 27, 2010 às 8:13 pm

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s