Don't Worry Be Happy!!!

Compreendo que Amar é o aprendizado mais profundo e duradouro nessa existência.

Compreendo que Amar é o aprendizado mais profundo e duradouro nessa existência.
Pois exige dedicação constante para atingirmos o Amor incondicional.
Acredito que para atingir esse objetivo necessito estar atento, focado.
Árdua tarefa, pois vivemos distraídos ou descontraídos com as superficialidades que nos são oferecidas todos os dias.
Dessa forma, nos mantemos alienados de si mesmos, vivendo uma espécie de transe, ou ilusão.
Isso quer dizer que construímos realidades limitadas e limitantes que nos enclausuram, nos aprisionam.
Nos reduzindo a meia dúzias de opções, escolhas que mal conseguimos perceber, pois estamos cegados.
Vivemos envolvidos pelo que os outros dizem que é verdade, bem como a realidade pré fabricada.
Assim se torna desnecessário a introspecção, pois o mundo, as coisas, os seres vivos, nos são apresentados formatados.
Definições que enclausuram a mente, transformando o mental em simples racionalidade operante.
Sistemas de pensamento reducionistas, deterministas, entre outros que tentam nos aprisionar.
Me dedicando ao aprendizado, e experienciando diferentes formas de Amar tenho realizado transformações.
Observando os sentimentos, emoções e pensamentos que crio e emano para o mundo.
Focado naquilo que está surgindo internamente, e o como estou desvelando a realidade.
 Aprendendo a Amar em níveis mais profundos, muito além dos meus desejos, exercito o desapego.
Sem ele não saio do lugar, pois posso perfeitamente me manter escravizado por alguma emoção, sentimentos ou pensamento.
Reduzindo o infinito de possibilidades naquilo que deixei se enraizar em mim.
E mesmo sabendo disso percebo que tenho um longo caminho a percorrer, pois a viagem não tem fim.
Ou melhor, o fim é a própria viagem, neste caso viver, buscar estar atento e focado no Amor incondicional.
Exercito a paciência, pois cada ser vivente viaja no seu tempo e espaço.
Por isso seria leviano acreditar que Amar pode ser definido de alguma forma.
São apenas múltiplas expressões do que chamamos Amar, mas em si Amar é indefinível.
Mesmo porque, hoje, Amar é diferente do que foi ontem e certamente não será igual a amanhã.
Então, Amar pode ser um movimento no qual nos lançamos no mundo em busca de si mesmos.
Nessa busca compartilhamos infinitas experiências com outros seres vivos.
Daí compreendo que o Amor nunca estará pronto, finalizado, pois Amar é esse processo de autodescoberta.
Om Gam Ganapataye Namah!

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s